sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Aos prazeres Amelísticos.

E quando chove nada melhor do que escutar o barulho da chuva cantando pra gente. Barulho, que chega a ser sagrado. Na chuva, você se encontra no meio da lama, meio triste, mas logo vem o cheiro da terra molhada fazendo com que você se sinta vivo! E a chuva também serve pra saciar a sede. Rega o que está seco na alma. Nada nesse mundo pode ser tão ruim. A chuva passa e você dorme. Sonha com os anjos. Olha só os querubins dançando pra ti. Logo alí estão as nebulosas, responsáveis pela formação estelar. Ninguém nasce estrela, mesmo as estrelas antes de evoluírem são consideradas protoestrelas e só depois de um longo tempo pertencem a um grupo estelar.
As estrelas ajudam a iluminar a noite até que o Sol possa se responsabilizar pela tarefa de iluminar o dia. Os caminhos estão sempre iluminados. Quando acorda, o café te espera e o cheiro faz você lembrar da avó ou da tia. Infância. A sensação é boa. Toma um banho bem quentinho pra se sentir melhor. Organizar o tal dos pensamentos. Sair pra trabalhar é muito bom. As flores no caminho são amarelas, elas brilham demais em contraste com o Sol, que por sua vez aquece o rosto, a alma, o que ninguém mais aquece. Embora cada pessoa seja diferente, temos algo em comum, o prazer pelas pequenas coisas (mesmo que não seja notável). Quem não escreve cartas, costuma sorrir quando recebe uma. Quem as escreve, sorri mais ainda!
Você perdeu o ônibus, mas olha só a nuvem que tem formato de urso. Urso Polar. O ônibus passa de novo e o amigo antigo que você não via há tempos está sentado no último banco. Os últimos serão os primeiros, bem diz o ditado. Conversas, gargalhadas, nada paga aquele momento. Mas veja bem, um real no chão. Poderia ser do moço que ia comprar o pão, mas não é não! Não carece de pensar coisa assim, a vida é bonita por demais! Tá chovendo dinheiro do céu. Dinheiro que por sua vez não compra felicidade e que roubou o lugar da chuva.
O seu trabalho é cansativo, mas tem o porteiro do prédio que conta piadas. Você ri no fim do dia. Volta pra casa. Não encontra amigos, toma banho, e depois vem o jantar! Olha só, você tem um jantar, vez ou outra faz bem agradecer! Lembra da cama quentinha que te espera. Diz que o dia foi ruim, mas esqueceu do cheiro do café que lembra a avó e das gargalhadas que sempre fazem bem a alma. Dorme. Tem gente que dorme pra esquecer, outros dormem pra não lembrar. Alguns nem dormem. Mundão cheio de diferenças! Tá frio, vai dormir... Daqui a pouco você sonha de novo com os querubins que dançam. Olha só. Dessa vez eles também sorriem. Logo mais eles cantam. Despertador faz barulho pra indicar que é hora de acordar pra vida!
É bom termos vocês por perto, pequenos prazeres do dia a dia...
A chuva cai, mas já já tem Sol. Logo mais aparece o arco íris. Enquanto isso é bom lembrar que brincar na chuva faz bem.

Beijos.

Estejam por perto.


Noemyr. Brasília, 14 de agosto de 2009.

Nota: Para quem não sabe, "Prazeres Amelísticos" é apenas um termo usado para fazer referência aos pequenos detalhes da vida. Os detalhes que a fazem melhor. Coisas que quase ninguém percebe, mas que nos fazem um bem danado! Aos que quiserem, fica a dica do filme: "O Fabuloso Destino de Amélie Poulain". O termo foi inspirado no filme ;)

24 comentários:

  1. -
    isso tem muito a minha cara!

    beijos risonhos


    .

    ResponderExcluir
  2. Nô!!!!!!!!!!!!!!!!!! Amélie Poulain!!!!!!!!!!!!!!!!! *--------*
    Lindo, lindo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Ótimo texto!!!

    Master viciadas no filme nós duas, hein? auhauahuahaa

    beijão!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Ameeeeeei!
    Eu amo chuva, pareço até criança!
    Adoro tomar banho de chuva, lava a alma ^^
    Bjinhos coloridos

    ResponderExcluir
  4. Lindo demais o texto,ameiiii de coração...
    o cheiro da terra molhada quando chove é bom demais,banho de chuva então...lava a alma(é o que dizem e concordo,pq adoro)
    Ler CARTAS que vocês todas escrevem aqui diariamente,me faz um bem danado...fico a sorrir feito criança boba na frente do pc...
    O blog da lindo demais meninas.
    Parabéns
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Nô, só podia ser vc linda alma na nossa vida.....coisa mais linda....mesmo mesmo.....e eu amo amélie :D assim como amo vc.....bjos bjos e que seja doce....sempre...

    ResponderExcluir
  6. É sempre bom nos lembrarmos das pequenas coisas...porque no fim, elas são as que sempre valem a pena!


    beijos

    ResponderExcluir
  7. Ameeeeeei flor!

    Lindo demais!

    Beijo gigante querida!

    ResponderExcluir
  8. Sim... no fina tudo tem um sentido, um propósito em sí! :D

    Belas palavras! *__*

    Um final de semana iluminado pra você!

    ResponderExcluir
  9. Acho mermo que tou é cercada de anjos!

    lindo, lindo!

    besos, minha frô!

    ResponderExcluir
  10. Lindo demais, amiga!!!

    Dá até vergonha de ter achado a vida ruim algum dia... Com um texto assim, a vida parece feita de algodão-doce, rsrsrs

    Lindaaaaaaaa!!

    ResponderExcluir
  11. Olá qrida blogueira!!!!
    É sempre uma grande prazer encontrar pessoas sensíveis,pessoas q temos muito a aprender como vc!
    estou adorando tdo por aqui...beijoks!
    ganhasse mais uma seguidora.....

    "Se plantar uma semente de amizade, recolherá um ramo de felicidade".

    Lois L. Kaufman

    ResponderExcluir
  12. Nossa!
    Seus textos são lindos. Parabéns :)
    Este texto, em especial, ficou incrível!

    beijos : *

    ResponderExcluir
  13. aii que doçura de texto! *.*
    um beijo, menina!

    ResponderExcluir
  14. Gente, o que dizer? Só tenho a agradecer!!! A cada um de vcs que fazem meus dias melhores! Vcs tds são dos mais especiais!! =D
    E nós somos realmente viciadas em Amélie né, Laaa?
    shauhsuas *-*
    Brunaaa!! Obrigada mesmo pelo carinho flor, c é das mais especiais!!
    CARLOOS *-*
    Bom te ver por aqui =D
    *-*
    Enfim... Obrigada a cada um que leu, comentou ou leu e não comentou!!
    Beijo no coração d'ocês :**

    ResponderExcluir
  15. O barulho da sua, agente que lava a alma!
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Fantástico o texto. Parabéns.
    Você já ouviu falar do E-blogue? Não teria vontade de expor esse texto?
    abraços,

    cisticercosolium@hotmail.com
    www.cisticerco.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. esse do despertador me fez pensar melhor sobre quanta coisa boa que tenho e não dou valor.

    bom abrir os olhos assim, num domingo à tarde...

    ResponderExcluir
  18. Fico feliz que gostaram!! Beijoooos :*

    ResponderExcluir
  19. Óun... *-*
    esse texto dá vontade de sair saltitando (o que é muito legal, pena q quase ninguém faz!! o0) sorrindo, seja debaixo do sol ou da chuva... =)
    Depois de dias e dias cinzentos, é bom ler um post colorido! rsrs... Lindo!

    BeJuuh*

    ResponderExcluir
  20. Muito lindo! Inspirado em Amélie Poulain, só podia ser lindo...
    :)
    um dos meus prazeres amelísticos é passear pelas ruas da cidade que eu moro (que eu acho linda) descobrindo novos pedacinhos encantadores entre as ruas. e um outro é soprar bolinhas de sabão!
    um beijo!!

    ResponderExcluir
  21. ótiiimo texto.Lindo mesmo,parabéens!
    Depois passa lá no meu Blog...te dei um selinho *--*

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  22. Obrigada pelos comentários e obrigada pelo selo, Bruna =)
    Tds nós agradecemos ^^
    Beeijos :**

    ResponderExcluir
  23. Sabe quando a gente se emociona lendo um texto?
    Quando a gente sente cada palavra como se nós mesmos a tivessemos pronunciado?

    Que melodia mais suave e maravilhosa!
    Eu me indentifiquei tanto e tanto! *-*'

    Amo a chuva!
    E a filosofia pregada no texto é maravilhosa!
    Sempre!

    Seguirei o blog.
    Kaio Rafael

    http://surrealcadente.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Kaio, fico extremamente feliz que tenha gostado!
    Seja sempre bem vindo ao nosso blog =)
    Beijos :*

    ResponderExcluir